qual a função da clorofila: capa

Você sabe qual a função da clorofila? Até algum tempo anos atrás, essa era uma pergunta de pouco interesse para quem procurava saber mais sobre compostos com funcionalidades benéficas para a saúde.

A clorofila era conhecida basicamente como o pigmento natural presente em plantas, algas e bactérias, responsável por proporcionar a cor verde. Além disso, sabia-se apenas que ela tinha função de realizar parte do processo de fotossíntese.

Hoje, os profissionais de saúde já tem conhecimento de que a clorofila ajuda o corpo a realizar a detoxificação, contribui para o combate da ação dos radicais livres e possui propriedades que previnem o câncer, por exemplo.

Devido a todos esses benefícios, a clorofila é muito indicada na alimentação funcional. Quer saber como incluí-la em seu cardápio e outras informações relevantes sobre o assunto? Fique ligado no conteúdo que escrevemos!

Qual a função da clorofila na fotossíntese?

Foi mencionado que a clorofila era conhecida até pouco tempo atrás apenas por realizar parte da fotossíntese. Mas você sabe o que é isso? Esse é o nome do processo em que as plantas, algas e alguns procariontes realizam para obter energia.

Ao contrário dos animais, esses seres vivos são capazes de produzir o seu próprio alimento. Para que isso ocorra, eles retiram o gás carbônico do ar e utilizam a energia do Sol. A luz solar, por sua vez, é absorvida através da clorofila.

A fotossíntese também desempenha papel importante na natureza: a purificação do ar. Isso porque ela retira o gás carbônico da atmosfera, considerado poluente, e, ao final, libera oxigênio.

Qual a função da clorofila na saúde do organismo humano?

É recorrente associar a ingestão de vegetais verdes na dieta com o bem estar, a promoção da saúde e um menor risco de desenvolvimento de doenças. Certo?! A clorofila é responsável por parte desses benefícios! Confira suas propriedades:

Propriedades antioxidantes

Os compostos com propriedades antioxidantes proporcionam vários benefícios à saúde. Isso porque eles ajudam a combater os radicais livres, que quando produzidos em excesso, podem danificar as células saudáveis do organismo.

Os radicais livres em excesso contribuem para o surgimento de alguns problemas de saúde, como o enfraquecimento do sistema imunológico e o envelhecimento, por exemplo. A clorofila é uma ótima opção para ajudar a combater o estresse oxidativo e as consequências dele!

Propriedades antimutagênicas

As propriedades antimutagênicas atuam a favor da proteção da mutação de células, ou seja,  evitam que ocorram erros de cópia de material genético durante a divisão celular, por exemplo.

As células dos tumores estão repletas de mutações genéticas que não observamos nas células saudáveis. Um estudo da Universidade de Oxford, demonstrou que a clorofila possui tais propriedades que contribuem para  que isso não ocorra.

Propriedades detoxificantes

As propriedades detoxificantes são capazes de ajudar o corpo a se livrar de toxinas, obtidas no dia a dia através da poluição, da fumaça do cigarro e de metais pesados presentes em alguns cosméticos, entre outras situações.

O fígado é o órgão com importante atuação nesse processo. No entanto, devido a exposição contínua a esses fatores prejudiciais, sem ajuda externa fica mais difícil. Está relatado em estudo a incrível propriedade detox da clorofila!

Como consumir clorofila na alimentação?

Para identificar onde contém clorofila é muito fácil: a substância está presente nos alimentos que apresentam a coloração verde naturalmente. Abaixo listamos alguns exemplos que você pode incluir em seu cardápio:

  • Espinafre;
  • Brócolis;
  • Couve;
  • Aipo;
  • Azeitonas verdes;
  • Salsa;
  • Algas.

Algas? Sim! A chlorella é uma das principais fontes de clorofila do mundo!

Também conhecida como “alga verde”, a chlorella vem ganhando fama para o consumo devido seus inúmeros benefícios à saúde – e um dos motivos disso é a presença de clorofila em sua composição.

Saiba os Benefícios da Chlorella e Entenda Para Que Serve Este Superalimento clicando aqui!

Você pode utilizar esses alimentos em diversas preparações, como saladas, refogados e até de sucos. Já conhece o suco verde? Veja os benefícios e algumas receitas aqui!

Cuidados devem ser tomados no processamento dos alimentos, com o objetivo de manter a integridade da molécula de clorofila. Fatores ambientais, como temperatura, podem prejudicar o nível do composto.

Gostou do conteúdo?

Para continuar acompanhando mais curiosidades e informações sobre alimentação, beleza e bem estar, fique ligado no Blog da Ocean Drop! Toda a semana disponibilizamos novos artigos!

Somos a única empresa no Brasil especialista em nutrição com algas e microalgas. Nosso portfólio oferece benefícios para sua saúde e possibilita que você viva a máxima conexão com os oceanos.

A nossa Super Chlorella (Chlorella pyrenoidosa) é segura para o consumo, apresenta alto teor de clorofila, e é reconhecida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). 

Assim como todos os nossos superalimentos, possui produtor reconhecido, não contém agrotóxicos e nem sofre modificação genética. Importante quando se trata de saúde, não é verdade?!

Além disso, está disponível no formato de cápsulas e tabletes para facilitar o consumo.  Ficou interessado? Clique aqui para entrar em nosso site! 

Caso tenha dúvidas ou sugestões, deixe nos comentários! Nossa equipe especializada está disponível para respondê-lo! Até a próxima!

Conteúdo escrito por Suelen Costa. Nutricionista graduada pela Universidade Federal de Pelotas e pós-graduanda em Nutrição Funcional.